10 de mai de 2013

P.F. Gastal exibe mostra da 6ª FestiPoa Literária

A sala de cinema P.F. Gastal exibe, de 10 a 19 de maio, a Mostra 6ª FestiPoa Literária. Na programação, os documentários SP - Solo Pernambucano, de Wilson Freire e Leandro Goddinho; Filme para Poeta Cego, de Gustavo Vinagre e o Programa de Curtas de Vicente Franz Cecim, composto por Fontes dos que dormem, Sombras e Ó Serdespanto.

Todos os filmes possuem uma abordagem poética e inspiração no universo literário. No dia 11 de maio (sábado), às 19h, o cineasta Vicente Franz Cecim conversa com o público sobre sua proposta estética.

Programa de Curtas de Vicente Franz Cecim
Fonte dos que Dormem (2009, 30 minutos)
Versão livre de um fragmento do livro Viagem a Andara. Um homem que foge, atravessando a vida, a Floresta, e as coisas que lhe acontecem pelo caminho. Exibição em DVD.
Sombras (1977, 16 minutos)
Filmado no Asilo Dom Macedo Costa, em Belém. O crepúsculo da vida, pessoas idosas, diante do Mistério do fenecer humano, enquanto a câmera avança através do túnel que atravessa o porão do asilo. Exibição em DVD.
Ó Serdespanto (Brasil, 2011, 10 minutos)
Cinema virtual, cinema sem câmera. Iconimagens do autor, fundido à Natureza, e do personagem do seu livro Ó Serdespanto, imersos nas vozes da Floresta Amazônica. Exibição em DVD.

SP – Solo Pernambucano, de Wilson Freire e Leandro Goddinho (Brasil, 2011, 10 minutos)
Documentário sobre o escritor Marcelino Freire e sua trajetória desde Sertânia (PE) até São Paulo, onde se consagra como um grande agitador cultural.



Poeta de Sete Faces, de Paulo Thiago (Brasil, 2002, 94 minutos)
O documentário divide-se em três etapas, que correspondem às fases distintas da obra de Carlos Drummond de Andrade e caracterizam momentos de sua vida. A primeira fase, chamada "Vai Carlos, ser gauche na vida", registra do seu nascimento em Itabira em 1902 até o final da sua poesia modernista em Belo Horizonte, antes da mudança para o Rio de Janeiro em 1934. A segunda fase, chamada "A vida apenas, sem mistificação", começa com a mudança de Drummond para o Rio de Janeiro e vai mostrar o "poeta do seu tempo", o momento de atuação política na vida do escritor, aliada à sua obra de crítica social. A terceira fase, chamada "Como ficou chato ser moderno, agora serei eterno", do início dos anos 50 aos anos 80, a fase do poeta-filósofo, do verso enigmático, do cronista de sucesso no Correio da Manhã e no Jornal do Brasil e da glória literária.. Exibição em DVD.

Macunaíma, de Joaquim Pedro de Andrade (Brasil, 1969, 105 minutos)
Macunaíma é um herói preguiçoso, safado e sem nenhum caráter. Ele nasceu na selva e de preto, virou branco. Depois de adulto, deixa o sertão em companhia dos irmãos. Macunaíma vive várias aventuras na cidade, conhecendo e amando guerrilheiras e prostitutas, enfrentando vilões milionários, policiais, personagens de todos os tipos. Clássica adaptação do romance de Mário Andrade, foi o maior sucesso da carreira do diretor Joaquim Pedro de Andrade. Exibição em DVD.

Uma Vida em Segredo, de Suzana Amaral (Brasil, 2001, 98 minutos)
A história da apagada Biela, órfã que vai viver com parentes após a morte do pai. Apesar de ser rica, a jovem não se sente à vontade no convívio com seus pares, preferindo a companhia dos empregados. Delicada adaptação da obra homônima do escritor Autran Dourado, valorizada pela atuação da protagonista Sabrina Greve. Exibição em DVD.

São Bernardo, de Leon Hirszman (Brasil, 1972, 114 minutos)
Paulo Honório, sertanejo de origem humilde, determinado a ascender socialmente, faz fortuna como caixeiro-viajante e agiota. Em uma manobra financeira, assume a decadente fazenda de São Bernardo, revelando-se um homem cruel e autoritário. Adaptação do célebre romance homônimo do escritor Graciliano Ramos. Exibição em DVD.



Estorvo, de Ruy Guerra (Brasil/Portugal/Cuba, 1998, 95 minutos)
Depois de uma noite mal-dormida, o protagonista acorda com a campainha da porta tocando insistentemente. Pelo olho mágico, vê um desconhecido de terno e gravata, barba e cabelos longos, que lhe lembra alguém que não consegue identificar. Não sabe o porquê daquele homem estar ali nem quem ele é, mas tem uma certeza imediata: ele representa uma ameaça à sua vida. Veste-se às pressas, aproveita uma distração do visitante e escapa de sua própria casa. Com a certeza de que o desconhecido está em seu percalço através da cidade, ele passa a desconfiar de tudo e de todos numa fuga sem destino, que penetra cada vez mais fundo no seu próprio mundo. Adaptação bastante competente do romance de Chico Buarque. Exibição em DVD.

Palavra (En)cantada, de Helena Solberg (Brasil, 2009, 84 minutos)
Documentário que reúne alguns dos mais notáveis compositores brasileiros para discutir as letras das músicas e – o que é mais provocador – se elas são uma forma de poesia. Entre as muitas entrevistas, a diretora lança imagens antigas, algumas raríssimas, como a da encenação de Morte e Vida Severina, de João Cabral de Melo Neto, com músicas do então jovem Chico Buarque, no Teatro Odeon, em Paris, nos anos 1960, e Ismael Silva cantando e tocando Se Você Jurar. Exibição em DVD.

Filme para Poeta Cego, de Gustavo Vinagre (Brasil/Cuba, 2012, 15 minutos)
Documentário sobre o poeta Glauco Mattoso: cego, masoquista, podólatra e gay. De maneira poética, assim como a obra de seu personagem, o filme revela a tênue linha entre alta literatura e vulgaridade. Exibição em Blu-ray.


Confira os horários da programação Mostra 6ª FestiPoa Literária na Sala P.F. Gastal (Usina do Gasômetro)

10 de maio (sexta-feira)
17:00 – Poeta de Sete Faces
19:00 – Macunaíma

11 de maio (sábado)
15:00 – Filme para Poeta Cego + SP - Solo Pernambucano
17:00 – Uma Vida em Segredo
19:00 – Programa de Curtas de Vicente Franz Cecim - Sessão comentada com Vicente Franz Cecim

12 de maio (domingo)
15:00 – Palavra (En)cantada
17:00 – Estorvo
19:00 – São Bernardo

14 de maio (terça-feira)
17:00 – Uma Vida em Segredo

15 de maio (quarta-feira)
17:00 – São Bernardo

16 de maio (quinta-feira)
17:00 – Palavra (En)cantada

17 de maio (sexta-feira)
17:00 – Filme para Poeta Cego + SP - Solo Pernambucano

18 de maio (sábado)
15:00 – Palavra (En)cantada
17:00 – Macunaíma
19:00 – São Bernardo

19 de maio (domingo)
15:00 – Filme para Poeta Cego + SP - Solo Pernambucano
17:00 – Poeta de Sete Faces
19:00 – Programa de Curtas de Vicente Franz Cecim

Nenhum comentário:

Postar um comentário