23 de abr de 2013

Encontro para transcender formatos

Jornal, zine, folhetim, quadrinhos: as narrativas invadem o papel de inúmeras formas além daquela que costumamos designar como “livro”. Mais que isso, alguns criadores não se cansam de fundir forma e conteúdo de maneira tão inextrincável que se torna impossível  atribuir rótulos como “literatura”, “quadrinhos”, “graphic novel” ou qualquer outro às suas obras.

A esquina entre texto e imagem nos maravilha e nos confunde. E é justamente para falar sobre essa relação que a mesa Narrativas Gráficas Sequenciais vai reunir em Porto Alegre três autores que constroem seus trabalhos em formatos diferentes, embora com alguma perspectiva literária: Ronaldo Bressane, Pedro Franz e Bruno Azevedo estarão em debate sobre o tema no dia 18 de maio.


O paulista Ronaldo Bressane é jornalista e escreve para diversos jornais e revistas do centro do país. Além de ter livros de poesia e ficção lançado, ele recentemente publicou V.I.S.H.N.U. (Companhia das Letras), graphic novel de ficção científica (assista acima o booktrailer). Em V.I.S.H.N.U., Bressane roteirizou argumento de Eric Ascher e contou com a arte de Fabio Cobiaco para tratar do livre-arbítrio do ser humano diante de um mundo com avanços tecnológicos cada vez mais rápidos.


Enquanto isso, Pedro Fraz desenvolve um admirável trabalho como ilustrador, publicando em zines, revistas e outros formatos na internet. O jovem catarinense ainda foi o responsável por adaptar para os quadrinhos a série televisiva Suburbia, que foi ao ar pela Rede Globo com a assinatura do cineasta Luiz Fernando Carvalho e do escritor Paulo Lins.



Já o maranhense Bruno Azevêdo está lançando agora seu A Intrusa, publicação baseada nas séries de histórias de amor vendidas em bancas de revista e que povoam há gerações o imaginário erótico de muitas brasileiras. O romance “A Intrusa”, que agora tem uma cuidadosa edição ilustrada por Frédéric Boilet e Eduardo Arruda,  apareceu pela primeira vez no jornal maranhense Vias de Fato, publicado em capítulos tal qual um folhetim.

A mediação do encontro será do jornalista especializado em quadrinhos Augusto Paim, que colabora para veículos como Continuum, Norte, Aplauso e Revista da Cultura.

Não custa lembrar: todas as atividades da 6ª FestiPoa Literária têm entrada franca.

SERVIÇO:
DIA 18/05 SÁBADO
Local: Casa de Cultura Mario Quintana, auditório Luís Cosme, 4º andar
Mesa 13
14h30 – Narrativas gráficas sequenciais
BRUNO AZEVEDO, RONALDO BRESSANE e PEDRO FRANZ
Mediação: AUGUSTO PAIM

Confira aqui a programação completa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário